top of page
Buscar

Agronegócio paulista tem saldo recorde em 2022

POR IMPRENSA | JAN 13, 2023 | NOTÍCIAS, OUTROS

Foto: Terramagna


Dados da Balança Comercial do Agronegócio Paulista divulgados pelo Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, no ano de 2022, mostram que o agro estadual exportou US$ 25,92 bilhões e importou US$ 5,10 bilhões. Em comparação ao ano de 2021, o Estado elevou em 36,4% as vendas externas no setor e aumento de 11,4% nas importações. Os resultados consolidam um superávit do agronegócio paulista de US$ 20,82 bilhões no ano passado.

Conforme destacam os pesquisadores José Alberto Angelo, Carlos Nabil Ghobril e Marli Dias Mascarenhas Oliveira, do Instituto de Economia Agrícola (IEA-SP), os cinco principais grupos nas exportações do agronegócio paulista, em 2022, foram: complexo sucroalcooleiro (US$ 8,43 bilhões sendo que, desse total, o açúcar representou 84,1%, e o álcool, 15,9%), setor de carnes (US$ 3,99 bilhões, dos quais a carne bovina respondeu por 86,1%), complexo soja (US$ 3,63 bilhões, tendo a soja em grão 82,3% de representatividade), produtos florestais (US$ 2,73 bilhões, com participações de 48,2% de celulose e 42,8% de papel) e sucos (US$ 1,92 bilhão, sendo 97,1% referentes a suco de laranja). Esses cinco agregados representaram 79,8% das vendas externas setoriais paulistas. Já o grupo de café, tradicional nas exportações paulistas, aparece na sexta colocação, com vendas de US$ 1,02 bilhão (72,2% referentes ao café verde).

Entre os maiores itens acima, o setor sucroalcooleiro é o que apresenta a maior participação (32,5%) nas exportações paulistas. Os destinos das exportações desse grupo são bem diversificados em termos de participação dos países, e os resultados apontam como principais compradores: China (15,6%), União Europeia (6,9%), Marrocos (5,9%), Argélia (5,3%), Nigéria (5,1%), Coreia do Sul (5,0%) e demais países (56,3%).

O grupo de carnes tem a segunda posição na pauta do Estado. A carne bovina, com maior contribuição, registrou aumentos de 59,3% em valores e de 39,8% em volume exportado. Os principais destinos em participação são: China (60,8%), Estados Unidos (9,9%), União Europeia (5,8%), Hong Kong (2,5%) e Filipinas (2,4%), enquanto os demais países compradores somam 18,6% de participação. O grupo complexo soja aparece na terceira posição da pauta paulista. O principal produto deste grupo é a soja em grãos, que apresentou aumento de 37,1% em valores e de 1,6% em quantidades exportadas pelo estado. A China (64,7%) é o principal destino em termos de participação de valores, seguida de Irã (5,2%), Tailândia (5,1%); os demais importadores somam 25,0%.

Comments


bottom of page