Buscar

Avaliações veiculares ambientais realizadas pelo sistema CNT superam o patamar de 2019

Fonte: NTC & Logística

28/01/2022


Em 2021, o Programa Despoluir obteve o melhor desempenho dos últimos 14 anos.


O número de aferições contabilizado pelo Programa Despoluir em 2021 é 14% maior do que o registrado em 2020 (início da pandemia) e supera, também, o volume registrado em 2019.


No ano passado, foram 355.682 avaliações veiculares ambientais realizadas pelo Sistema CNT em veículos movidos a diesel, ultrapassando o resultado do ano anterior, que fechou com 352.181 aferições.


A iniciativa faz parte das ações desenvolvidas pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) e pelo SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), por meio do maior programa ambiental da iniciativa privada do Brasil – o Despoluir.


Iniciado em 2007, o Despoluir promove a redução de poluentes e favorece a qualidade de vida dos trabalhadores do transporte e de toda a sociedade. Desde o seu início, já foram realizadas 3,5 milhões de avaliações veiculares, atendendo mais de 55 mil transportadores.


As avaliações veiculares ambientais são operacionalizadas pelas Federações do transporte de todo o país e atendem as empresas transportadoras rodoviárias (cargas e passageiros) e caminhoneiros autônomos. Em 2021, a FETRONOR (Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Nordeste) foi a que atingiu o maior número de aferições por unidade móvel do segmento de passageiros, totalizando 5.989 avaliações. A FETRABASE (Federação das Empresas de Transporte dos Estados da Bahia e Sergipe) teve o melhor desempenho entre as Federações mistas, com 4.281 avaliações por equipamento.


Na sequência, destacaram-se a FETCEMG (Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais), no ramo de cargas, e a FETAC/MG (Federação dos Caminhoneiros Autônomos de Cargas e Bens do Estado de Minas Gerais). As Federações mineiras produziram, respectivamente, 2.878 e 2.567 avaliações por equipamento.


Desde 2016, o Despoluir realiza a AQD (Avaliação da Qualidade do Diesel), que aborda, de maneira ampla, uma análise do combustível contido nos tanques de armazenamento das garagens de empresas de ônibus e caminhões. Por meio de testes, identifica-se o nível de pureza do combustível e se as especificações estão de acordo com as definidas pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Biocombustíveis e Gás Natural).


Além desses projetos, em 2021, o Despoluir diversificou ainda mais suas ações e lançou o projeto-piloto do SOAT (Serviço de Orientação Ambiental ao Transportador). O objetivo é acompanhar as medidas de gestão ambiental adotadas pelas empresas do setor para reforçar o desenvolvimento de boas práticas de sustentabilidade.


Para o presidente da CNT, Vander Costa, “as ações e projetos do Despoluir refletem o comprometimento do Sistema CNT com a sustentabilidade ambiental e o seu esforço em inovar e aprimorar continuamente suas atividades em prol do transportador e do meio ambiente”.