top of page
Buscar

BR-101 foi a mais cara para o caminhoneiro abastecer com diesel no início de novembro


Com base nos dados do Índice de Preços Edenred Ticket Log (IPTL), levantamento que consolida o comportamento de preços das transações nos postos de combustível, trazendo uma média precisa, a rodovia BR-101 foi a mais cara para abastecer com diesel no início de novembro. A maioria dos Estados que liga a rodovia já passou a comercializar o tipo comum e o S-10 com o preço do litro acima de R$ 6 e a média consolidada dos respectivos combustíveis na via iniciou o mês a R$ 6,13 e R$ 6,28.

A Rodovia Presidente Dutra ocupou o segundo lugar no ranking com o diesel comum a R$ 6,00 e o S-10 a R$ 6,20. Na Régis Bittencourt, o tipo comum fechou a média de R$ 5,96 e o S-10 R$ 6,18. Já na Fernão Dias, o comum foi encontrado a R$ 5,95 5e o S-10 a R$ 6,17.

“O preço médio do diesel seguiu tendência de estabilidade no País no início de novembro, mas desde setembro a média nacional ultrapassa R$ 6, o que reflete no preço comercializado nos postos de abastecimento das rodovias de todo o País. É importante entender o comportamento de preços desse combustível crucial para o andamento do setor de transporte rodoviário”, Douglas Pina, Diretor-Geral de Mobilidade da Edenred Brasil.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Edenred Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Edenred Ticket Log, marca da linha de negócios de Mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções eficientes e sustentáveis, a fim de simplificar os processos diários.

Comments


bottom of page