Buscar

Em Brasília, Dal Molin propõe solução para impasse na concessão da BR-163

Por O Documento

07/10/2021


Foto: Ronaldo Mazza


O impasse no processo de retomada das obras de melhoria e de duplicação da BR-163, foi o tema central de uma reunião entre o deputado estadual Xuxu Dal Molin (PSC) e o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Rafael Vitale.


Durante o encontro, realizado nesta terça-feira (5), na sede da ANTT, em Brasília, o parlamentar atribuiu o aumento do número de acidentes ao atraso nas obras de duplicação da rodovia, suspensas desde 2016.


Para ele, além de prejudicar o escoamento da produção agrícola da região norte de Mato Grosso, a paralisação das obras no trecho sob concessão da Rota do Oeste compromete a segurança de milhares de usuários.


“Estamos ajudando a construir uma proposta alternativa e eficaz. Não podemos permanecer inertes enquanto centenas de vidas estão sendo ceifadas. Diariamente a imprensa noticia mortes na BR-163 que, lamentavelmente, passou a ser chamada de ‘rodovia da morte’”, alertou Dal Molin.


Sensível ao assunto, em especial pelo impacto na segurança viária, o diretor-geral da ANTT assegurou que o governo federal “está empenhado em construir uma solução que atenda ao interesse público e mantenha a concessão de forma sustentável”.


Segundo Vitale, a troca de controle da concessão da rodovia está entre as opções estudadas para uma solução ‘amigável’. Entretanto, a implementação da medida depende de um acordo entre particulares.


Outras duas possibilidades seriam a instrução de abertura do processo de caducidade do processo de concessão do contrato e/ou a devolução do contrato por iniciativa da concessionária Rota do Oeste.


“Nossas equipes estão trabalhando com afinco nesse processo. A solução final será anunciada nos próximos dias”, afirma Rafael Vitale.