Buscar

Fernando Haddad participa do primeiro encontro com candidatos ao governo do estado de São Paulo

POR IMPRENSA | SET 2, 2022 | DESTAQUES, EVENTOS, NOTÍCIAS

O evento, realizado na subsede da NTC&Logística em São Paulo, contou com o apoio das entidades ligadas ao setor


Na manhã ontem (1), aconteceu o primeiro encontro com candidatos ao governo do Estado de São Paulo, um bate-papo promovido em parceria com a Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo (Fetcesp), o Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região, Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística) e a Associação Brasileira de Transporte e Logística de Produtos Perigosos (ABTLP).

Cerca de 120 pessoas, entre empresários, jornalistas e executivos do setor de transporte, compareceram ao evento que discutiu as principais pautas do segmento e contou com a presença do candidato pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Fernando Haddad.

Na abertura, o presidente da FETCESP, Carlos Panzan, agradeceu em nome de todos os presidentes das entidades apoiadoras, a presença do candidato, e também pelo reconhecimento das demandas e questões que afligem o setor.

”Quero agradecer primeiramente ao Fernando Haddad, pela presença de suma importância e ao Márcio França, que foi um dos artífices que nos ajudou a acabar com a greve dos caminhoneiros, quando o governo federal dizia que nós os transportadores fomentamos a greve”, pontuou Panzan.

O presidente também reforçou a importância do SEST SENAT na formação dos profissionais do setor na atualidade. ”São fundamentais na geração de empregos para o segmento. Com esse planejamento, há treinamentos para motoristas, com foco em mulheres, e conta com mais de 14.000 pessoas fora do mercado de trabalho”, completa o presidente.

A visão do candidato

Na sequência, o candidato petista discorreu sobre suas percepções em relação ao setor enquanto esteve na prefeitura de São Paulo. ”A prefeitura, durante o meu governo foi tratada com muito respeito pelos transportadores, e temos uma consciência muito grande sobre a importância do transporte de cargas para a produtividade. O TRC para mim é transporte coletivo, pois atende a coletividade”, apontou Haddad.

O candidato também abordou assuntos essenciais para o setor, como a economia e a infraestrutura. ”Economia não é um ‘bicho de sete cabeças’, precisa saber gerenciar. A economia boa é aquela que faz a roda girar e faz com que todos possam ganhar um pouco. E o TRC é fundamental para ter esse gerenciamento”, apontou.

”Quero investir em transporte, investir em rodovias. Nossas estradas estão todas entupidas, precisamos melhorar essa circulação e ter uma logística adequada. 30% do PIB é produzido aqui. Em São Paulo, vamos fazer uma mudança, mas uma mudança com segurança”, completou Haddad.

As leis vigentes e a reforma tributária

Posteriormente, o assessor jurídico das entidades representadas, Dr. Marcos Aurelio Ribeiro, apresentou o documento com as propostas do setor que foi entregue ao Fernando Haddad, que contém questões como: burocratização, projeto do programa “Logística Sem Papel”, aplicação de documento eletrônico e não obrigatório, redução do custo em relação ao porto de Santos, segurança e roubo de cargas.

Finalizando o primeiro dia de encontro, Márcio França, candidato a senador de São Paulo, mostrou suas visões quanto a medidas para o segmento de transporte: “A marca de qualquer solução é ouvir as pessoas. Estive nesta casa muitas vezes e sei o que boa parte do setor precisa. Estive ao lado do setor na intensa greve dos caminhoneiros e vejo que não adianta ter uma análise desses tipos de crise, precisa ter pessoas que entrem nessas crises e solucionem o problema”.


“Junto à minha chapa, conversamos em abrir o ano com a reforma tributária, aos poucos, começando pela mudança do ICMS. É primordial para o setor”, encerra Márcio.

Os próximos encontros com candidatos acontecem nos dias 06/09, com Rodrigo Garcia, e 15/09, com Tarcísio de Freitas.

Saiba mais: https://setcesp.org.br/eleicoes2022/.