Buscar

Governo de Goiás executa serviços em mais de 40 trechos de rodovias

Fonte: Agência Cora Coralina

18/01/2022



O Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), executou serviços emergenciais de tapa-buraco, patrolamento, reconstrução de pontes, correção de erosões entre outras intervenções em mais de 40 trechos de mais de 30 rodovias estaduais durante o último fim de semana (15 e 16/01). Depois de mais de 20 dias de chuvas intensas em todo o Estado, o sol reapareceu e as equipes de manutenção intensificaram os trabalhos em pontos afetados pelos temporais em todas as regiões de Goiás.


Com a estiagem, foi possível acelerar o ritmo em intervenções maiores, como na reconstrução do bueiro na GO-241 entre Mutunópolis e Estrela do Norte, previsto para ser liberado até a semana que vem. A Goinfra também executou reparos superficiais em rodovias pavimentadas e o patrolamento e revestimento de rodovias não pavimentadas.


Apenas ações de tapa-buracos foram feitas em 16 trechos. Outros 16 pontos em rodovias não pavimentadas passaram por readequações e drenagens após as chuvas. Desde o início do período chuvoso, a Goinfra está focada na manutenção das rodovias para atender com celeridade às demandas que surgem. No final do ano, quando as tempestades se intensificaram, um plano de contingência foi colocado em prática para atender as regiões mais fortemente afetadas, como o Norte e o Nordeste do Estado.


Com esse trabalho, a Goinfra já avançou na recuperação da trafegabilidade em rotas de integração fundamentais, como é o caso da GO-118, entre Teresina de Goiás e Alto Paraíso, que sofreu com uma erosão no leito da pista dia 24 de dezembro. Na primeira semana de 2022, a agência conseguiu reforçar o talude e liberar meia faixa para carros de passeio e motos, e, no dia 12, o aterro foi estabilizado para abrir a rodovia à passagem de veículos pesados. A mesma agilidade foi registrada na obra de reconstrução do encabeçamento da ponte sobre o Rio Santa Tereza, na GO-241, entre Formoso e Santa Tereza de Goiás. Prevista para durar 20 dias, a intervenção levou metade do tempo e, dia 6, o tráfego estava normalizado na região.


A previsão do Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas de Goiás (Cimehgo) é que essa estiagem, que teve início na sexta-feira (14), perdure por 10 dias. Depois, as chuvas devem retornar. Nesse período, a Goinfra intensifica suas ações, com equipes distribuídas por todas as regiões do Estado, incluindo a recuperação de três pontes na GO-230, na região de Faina, durante castigada por tempestades na última semana.


“Goiás é forte e inspirador. Estamos em ação em toda a malha viária e vamos mostrar reação mais imponente do país. Não tenho dúvidas disso”, destaca o presidente da Goinfra, Pedro Sales. “Já determinei que as equipes não parem, os serviços seguem de segunda a segunda durante todo o período chuvoso.”


Além disso, a Goinfra já se prepara para o período de estiagem. Na carteira para 2022, há mais de 50 obras contratadas e licitadas para ter início ou reinício a partir de março e abril. “Vamos impactar mais de 80 municípios diretamente obras de pavimentação, restauração e reconstrução de rodovias”, anuncia presidente Pedro Sales.