Buscar

Pesos-pesados da logística criam “Aliança para a Infraestrutura”

Por PortoseNavios

24/03/2021

Quatro associações do setor privado que congregam empresas operadoras de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos se juntaram na criação do movimento Aliança para a Infraestrutura. O novo grupo será lançado oficialmente na sexta-feira, com o objetivo declarado de "unificar posicionamentos e formas de agir para fortalecer a segurança jurídica e as melhores práticas em infraestrutura de transportes, regulação, governança e compliance".


A Aliança para a Infraestrutura procurará ainda "abrir espaço na agenda para a discussão de outros temas relevantes, como as reformas estruturais, que estão em discussão nacional", segundo o documento de lançamento.


A iniciativa está sendo patrocinada pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR), pela Associação Brasileira dos Terminais Portuários (ABTP), pela Associação Nacional das Empresas Administradoras de Aeroportos (ANEAA) e pela Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF).


Praticamente toda a logística brasileira passa pelas empresas representadas no movimento. As associações reúnem um contingente de empresas de grande expressão nacional: 47 concessionárias que administram 15.616 km de rodovias concedidas, 68 operadoras de 117 terminais portuários, seis concessionárias de aeroportos e 12 administradoras de malhas ferroviárias com um total de 29.320 km de extensão.


A Aliança para a Infraestrutura também busca "formas de aprimorar a interação entre as empresas e seus usuários, a imprensa, entidades governamentais, órgãos de controle e organizações da sociedade civil.