Buscar

Ponte de Porto Nacional terá tráfico controlado a partir desta terça-feira

Acesso será liberado a cada duas horas, intercaladas, no sistema “Pare e Siga”. Medida é para retirada dos postes e dos cabos ópticos para transporte das grandes peças pré-moldadas que compõem a estrutura de nova ponte.


Por Sou Mais Notícias

19/10/2021


Foto: Divulgação/Ageto


Nesta nesta terça-feira (19), a partir das 8 horas, a ponte sobre o lago do rio Tocantins em Porto Nacional terá o tráfego controlado. A medida é para retirada dos postes e dos cabos ópticos existentes no trecho de acesso a estrutura, na TO-255.


Segundo a Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), em decorrência dos trabalhos, a ponte permanecerá com tráfego controlado, no sistema “Pare e Siga”, em que o acesso será liberado a cada duas horas, intercaladas, até a finalização dos serviços. Os trabalhos seguem até esta quinta-feira ( 21).


“Nós iremos trabalhar por duas horas e abriremos a passagem por outras duas horas, assim garantiremos o menor impacto possível às pessoas que necessitam fazer a travessia”, explica a secretária estadual da Infraestrutura e presidente da Ageto, Juliana Passarin.

O superintendente de Gestão Operacional e Projetos da Agência, Adelmo Vendramini, explica que os serviços são necessários para que seja realizado o transporte das grandes peças pré-moldadas que compõem a estrutura.

“Essa é uma grande obra de infraestrutura e algumas peças pesam cerca de 120 toneladas e necessitam de veículos especiais para transporte, por isso teremos que retirar os postes que estão na cabeceira da antiga estrutura”, destaca.


Ainda de acordo com a Ageto, além do transporte das vigas, também darão início da construção de um aterro, que fará parte da estrutura da nova ponte ponte que esta sendo construída ao lado da antiga.


Obras da nova ponte


De acordo com a Agência Tocantinense de Transportes e Obras, a empresa responsável pela construção da nova ponte de Porto Nacional já trabalha nas fundações dos pilares submersos, e quatro dos seis pilares em terreno seco já estão em fase final de construção.

A estrutura terá 1.488 metros, sendo 1.088 de estrutura e 400 metros de aterro.