Buscar

Senador protocola denúncia para barrar concessão da BR-163

O senador Carlos Fávaro, do PSD, afirma que a empresa interessada na rodovia tem cobrado pedágio indevido em outras estradas


Fonte: Canal Rural

22/02/2022


Foto: DNIT/ Reprodução


Com uma denúncia apresentada junto ao Tribunal de Contas da União, o TCU, o senador Carlos Fávaro (PSD) quer impedir o consórcio da Via Brasil de assumir o controle da BR-163 de Sinop (MT) até o Pará. Além da denúncia, Fávaro protocolou junto a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), um pedido de suspensão desse contrato imediato.


“A empresa tem outras concessões de estradas na região, porém tem cobrado pedágio indevido, deixado estradas esburacadas e sem duplicações como manda a lei. Perdemos incontáveis vidas nesta rodovia por conta do descumprimento desta concessionária e da falta de uma solução efetiva por parte do Governo Federal. Não podemos ver o filme se repetindo e deixarmos tudo como está”, afirma.


Além disso, a Via Brasil, precisaria de outros investimentos concedidos pelo Governo Federal já que o trajeto passa por terras indígenas. O capital seria de aproximadamente 350 milhões de reais.


A empresa é dona de duas rodovias estaduais em Mato Grosso, a MT-208 e a MT-320, onde faz a ligações dos municípios de Nova Canaã do Norte, Carlinda, Colíder, Alta Floresta e Nova Santa Helena à BR-163, tendo de extensão, 188 quilômetros. A Via Brasil não se pronunciou ainda sobre o assunto.