Buscar

Soja: produtor está animado com plantio após volta das chuvas

As precipitações em algumas regiões favoreceram o avanço do plantio da soja, especialmente na região oeste do estado, segundo o Imea


Por Canal Rural

27/09/2021


Foto: Stringer/Reuters


Com o início da soja de soja 2021/22 em Mato Grosso, o estado já alcança 1,20% da área semeada. O destaque vai para a região oeste do estado, o índice de plantio já alcança 2,55%, segundo levantamento do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).


Segundo Cleiton Gauer, gerente de inteligência de mercado do Imea, diferente do ano passado, o clima beneficiou o início dos trabalhos no campo nesta temporada.


“Estamos com o plantio da soja adiantado, com a chegada das chuvas, que demoraram mais tempo para chegar no ano passado, onde a semeadura demorou para engrenar. Ainda é cedo para afirmar como vai ser o decorrer da semeadura, mas o produtor está animado com a evolução da semeadura neste ano, ela deve ser mais forte em meados de outubro”, prevê Gauer.


Apesar do registro de algumas chuvas, o especialista do Imea diz que a umidade do solo vem se recuperando e ainda não está no padrão ideal.


“Tivemos registro de mais chuvas no norte do estado. Já no sudeste ainda precisa de mais chuvas para iniciar o processo de plantio, para ter firmeza na umidade do solo. Mas com as previsões apontando divergências no regime de águas, nós acreditamos que os volumes tendem a ganhar mais intensidade daqui para frente e o produtor consiga acelerar o processo no campo no próximo mês”.


Os dados preliminares apresentados por Cleiton Gauer mostram um cenário favorável para a soja em Mato Grosso na safra 2021/22.


“Temos uma perspectiva de aumento na área plantada de 3,5%, totalizando 10,8 milhões de hectares, com uma produtividade média 57,5 sacas por hectare e uma produção que pode ser de 37,4 milhões de toneladas. Se o clima colaborar, esse número pode ser mais favorável”, destaca.