Buscar

Tocantins lidera o ranking de geração de novos empregos entre os estados da região Norte

No mês de março foram contratadas 6.825 pessoas e desligadas 5.417, o que gerou um saldo positivo de 1.408 novas vagas de emprego


Por Conexão Tocantins 03/05/2021



Dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do mercado formal, referentes ao período de março de 2021, mostram que o Tocantins mantém os bons números dos últimos meses e segue como um dos estados que mais abriu postos de trabalho, figurando na primeira colocação entre os estados do Norte do País, com um crescimento de 0,75%.


No referido período, foram contratadas 6.825 pessoas e desligadas 5.417, o que gerou um saldo positivo de 1.408 novas vagas de emprego. O Tocantins tem um total de 190.363 postos de trabalho. Na segunda posição está o Pará, com um crescimento de 0,53%; em terceiro, Roraima, que alcançou 0,47% de aumento.


No ranking nacional, o Tocantins está entre os cinco que mais geraram empregos na variação relativa de criação de postos de trabalho formais, no acumulado do mês de março de 2021, segundo dados do Caged, divulgados pelo Ministério da Economia.


Para o secretário da Indústria e Comércio, Tom Lyra, o momento é de celebração, mas também de reflexão. “É preciso levar em conta os reflexos da pandemia no setor econômico. Sabemos que o Tocantins conseguiu enfrentar a crise e amenizar os impactos. Nesse sentido, o governador Mauro Carlesse me designou a missão de fomentar o diálogo com os empresários e trabalhadores para que mantenhamos o ritmo de crescimento”, pontuou o gestor, acrescentando que a Pasta está elaborando um plano estratégico para a retomada da economia.


Agropecuária e Indústria foram os setores que mais empregaram no mês de março


Os setores econômicos com os melhores desempenhos foram a agropecuária, que contratou 658 trabalhadores e desligou 360, gerando um saldo de 298 vagas de empregos, uma variação positiva de 1,29%.


A indústria ocupou a segunda posição. Neste setor, foram contratados 722 novos empregados e desligados 497, configurando um saldo positivo de 225 novos postos de trabalho, uma variação de 1,09% de crescimento.


O setor de serviços também segue em crescimento e com dados promissores: foram admitidos 2.603 ao passo que houveram 1.956 desligamentos, gerando, assim, um saldo de 647 novas vagas - 0,82% de aumento de vagas.


Segundo o secretário Tom Lyra, os bons números estão associados, principalmente, com o esforço para desburocratizar os processos relacionados à abertura de novas empresas e à expansão daquelas que já se encontram implantadas no Estado.

O secretário destaca, ainda, o empenho do Governador, que tem incentivado a efetividade destas políticas públicas.


Para se ter uma ideia, no ano de 2020, 36 projetos de expansão e implantação foram aprovados pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico do Tocantins (CDE-TO). Neste ano, os números continuam expressivos: 7 empresas já foram beneficiadas, que, em sua maioria, são genuinamente tocantinenses.


Distritos Industriais


Outra importante iniciativa que vem sendo realizada pela Indústria e Comércio, com o intuito de fortalecer o empresariado local e garantir que as empresas possam ter segurança em sua atuação, é a regularização dos distritos industriais do Estado.


O Estado possui 11 Distritos Industriais, sendo que quatro são projetos estaduais, com infraestrutura adequada à instalação de empresas; os demais são projetos municipais.


“Seguindo as diretrizes do governador Mauro Carlesse, temos trabalhado incansavelmente para que as empresas possam ter os títulos de propriedade reconhecidos e assim alavancar o seu crescimento. Nosso objetivo é a geração de novos postos de trabalho e, com isso, fortalecer a economia estadual”, pontuou Tom Lyra.


Mineração


Recentemente, o secretário Tom Lyra assumiu a gestão da Agência de Mineração do Tocantins, órgão responsável por promover o mineronegócio no Estado. Interessadas neste potencial mineral, mineradoras nacionais e internacionais têm investido no Tocantins. Além daquelas que estão em fase de pesquisa, algumas já se instalaram e estão gerando empregos, a exemplo da MSB Minerações. Com investimento estimado em R$ 15 milhões, a empresa iniciou suas operações na cidade de Goianorte. A vinda do novo empreendimento, articulado pelo Governo do Estado, trará mais de 300 novas oportunidades de emprego para a região. “Este é o Tocantins que queremos”, concluiu o secretário Tom Lyra, parabenizando todos os trabalhadores tocantinenses.