Buscar

Transporte Rodoviário: o que liga tudo!

Por FENATAC Comunicação

06/05/2021



Ninguém tem a menor dúvida quanto à importância dos modais aéreo, aquaviário e ferroviário para o crescimento de qualquer país. Não é por acaso que estamos vendo um estratégico e fundamental incremento de investimentos em aeroportos, portos e ferrovias. Todos esses modais modernizados ajudam a diminuir o famoso Custo Brasil e tornam nosso país cada vez mais competitivo em todas as áreas de negócios.


Entretanto, o que une cada um destes modais, o que faz com que cada um possa operar com mais eficiência é o transporte rodoviário de cargas. Os portos, aeroportos e ferrovias não chegam até o produtor rural, não entram nas fábricas e precisam sim ser alimentados pelos caminhões que diariamente circulam pelas rodovias brasileiras, vindos de lugares, cidades, que muitas vezes têm somente a rodovia para ligá-las ao resto do país.

Não é possível falar em logística eficiente no Brasil sem colocar os caminhões como a conexão mais estratégica.


Apesar disso, ainda vemos que as empresas de transporte rodoviário de cargas muitas vezes são colocadas em segundo plano, seja na hora de se reservar investimentos públicos para as nossas sofridas rodovias, seja na atenção dedicada a entender, solucionar e desburocratizar o negócio em si.


A FENATAC, juntamente com a CNT, não mede esforços para mudar esse cenário, valorizando e fortalecendo o empresário do setor e marcando posição junto aos governos federal, estaduais e municipais. Temos avançado em vários pontos, porém, sabemos que ainda há muito o que fazer.


E para isso, nunca é demais lembrar: é fundamental que sejamos um setor cada vez mais unido!


Tenha a FENATAC como sua representante em Brasília, nas capitais de estados, se preciso até no seu município. Juntos podemos abrir novas portas, gerar oportunidades e mostrar, de verdade, que se as rodovias são as veias do Brasil, nossos caminhões são o sangue que corre nelas.