top of page
Buscar

Volvo FH terá nova cabine a partir do ano que vem

Patentes da Volvo Trucks registradas nos Estados Unidos e na Europa mostram que os caminhões Volvo FH passarão a contar com uma cabine totalmente nova a partir de 2024, sendo muito mais ampla do que as atuais Globetrotter.


Nos documentos, que foram obtidas com exclusividade pelo Portal Midia Truck Brasil, é possível notar que a nova cabine terá uma posição de dirigir mais recuada, o que atende às novas diretrizes da União Europeia para o tamanho e segurança das cabines de caminhões.

Atualmente, os caminhões DAF XG são os únicos modelos europeus que já atendem os novos regulamentos, com cabines mais longas e aerodinâmicas. Essas diretrizes permitem cabines com até 90 cm a mais, o que permite um melhor aproveitamento do espaço interno.

A patente, que traz várias imagens do projeto da Volvo, mostra também que a cama terá uma posição mais recuada, permitindo espaço extra entre o assento do motorista e o leito, onde poderão ser instalados armários ou outros itens.

A novidade também mostra que a cama poderá contar com um sistema deslizante, que permitirá ao motorista converter o espaço em um sofá, ou mesmo facilitar o acesso ao compartimento abaixo.

Nos desenhos, é mostrado que a nova cabine terá duas camas (beliche), que também será deslizante. Os desenhos técnicos apresentados pela Volvo destacam um sistema de trilhos embutidos nas paredes internas da cabine, que permitirão a movimentação da cama.

A geração atual do Volvo FH foi apresentada pela Volvo em 2012, seguindo até hoje com alguns facelifts, mas mantendo basicamente a mesma estrutura.

Alguns portais de notícias da Europa acreditam que o novo Volvo FH, que pode ser lançado em setembro de 2024, na IAA de Hannover, será baseado no Volvo Efficiency Concept Truck, apresentado no Brasil em 2021.

Esse caminhão é um Volvo FH 6×4, que recebeu uma série de avanços tecnológicos, para reduzir o consumo, aumentar a disponibilidade e garantir mais segurança e conforto para o motorista.

Na época do lançamento, a Volvo destacou que o caminhão ganhou uma cabine 25 cm mais longa, permitindo mais espaço interno, além de amplos defletores de ar, com o dobro do tamanho dos instalados nos Volvo FH convencionais.

A frente, mais arredondada, é 175 mm mais avançada que a do modelo padrão. Já o entre-eixos foi reduzido, passando para apenas 3 metros, deixando o implemento mais próximo da cabine e reduzindo a resistência do ar. Com essas mudanças, o tanque de Arla32 e os tanques de ar foram realocados.

Além das mudanças visuais, o caminhão recebeu uma série de avanços em componentes do motor, com redução de atrito, maior eficiência da queima de combustível e outros.

O pesado roda em testes no Brasil desde então, sendo considerado pela Volvo como o caminhão graneleiro do futuro.

Comentarios


bottom of page