Buscar

Presidente Jair Bolsonaro apoia a manutenção da desoneração da folha de pagamento por mais 2 anos

Fonte: NTC&Logística

12/11/2021



Durante evento realizado nesta quinta-feira (11) no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro, disse que vai prorrogar por mais dois anos a desoneração da folha de pagamento das empresas de 17 setores, incluindo o transporte rodoviário de cargas.

“Resolvemos prorrogar por mais dois anos a desoneração da folha. Isso tem a ver com manutenção de emprego. Quem se eleger em 2022 vai ter 2023 todinho para resolver essa questão”, comentou Bolsonaro.


A NTC&Logística vem trabalhando em conjunto com entidades do setor de transporte e dos outros 16, para que seja mantida a desoneração da folha de pagamento, sendo uma maneira de preservar os milhões de empregos gerados por todos os segmentos.


O vice-presidente de segurança da entidade, Roberto Mira, acompanhou hoje em Brasília a reunião com o Bolsonaro, e outros representantes de empresas e entidades, e comentou sobre a decisão. “Estivemos hoje pela manhã em reunião com o Presidente Bolsonaro para tratar da desoneração. Expusemos o perigo de quebra de empresas e o grande desemprego para os 17 setores. O Presidente Bolsonaro, o Ministro Paulo Guedes e a Ministra Tereza Cristina apoiam a desoneração e comentaram de maneira oficial que irão defender a prorrogação por um prazo de 2 anos e nós garantimos apoio às medidas estruturantes para o País”.


Segundo o presidente Francisco Pelucio é uma sinalização muito positiva, “Temos participado de muitas reuniões, discussões e levado aos órgãos federais a importância da manutenção da desoneração da folha de pagamento, por entendermos que é importante para manter empregos e o investimento das empresas que vêm a quase dois anos sofrendo os impactos da pandemia. Com certeza é uma notícia muito positiva e que trará bons frutos para toda sociedade”.


O deputado Jerônimo Goergen, foi relator do Projeto de Lei 2541/2021 na comissão de finanças e tributação que estende a desoneração da folha até 2026, também comentou sobre o anúncio de Bolsonaro, “o Governo dá um sinal de sensibilidade aos assuntos importantes para o país e também cumpre o compromisso que assumiu na última votação, quando demos o apoio justamente para que tivéssemos a manutenção de empregos também garantido nesse novo espaço orçamentário que está sendo criado. Estamos muito felizes, o compromisso está sendo cumprido e desejar para o Brasil, um futuro cada vez melhor”.


Agora na próxima semana, está prevista a votação na Comissão de Constituição e Justiça, para assim dar andamento às outras instâncias.