top of page
Buscar

Venda de caminhões cai mais de 20% em janeiro



As vendas de caminhões no Brasil continuam em baixa. Dados das vendas divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) mostram que houve uma queda superior aos 20% em todos os cenários analisados.


De acordo com a entidade, em janeiro foram emplacados 7.993 caminhões novos no Brasil, número 21,71% menor do que o registrado no mesmo mês de 2023, que registrou vendas de 10.209 unidades.

Na comparação com dezembro do ano passado, quando foram vendidos 10.068, a queda foi de 20,61%.

Para o Presidente da Fenabrave, Andreta Jr., o resultado ainda está dentro do que foi projetado pela Fenabrave para o ano.

“Temos que lembrar que houve uma certa concentração de compras de caminhões nos primeiros meses de 2023, devido ao prazo para comercialização de veículos com Euro 5 (permitidos até a adoção obrigatória do Euro 6), e que, durante o ano, o setor sofreu com problemas de preço da nova tecnologia e para financiamentos, mas, aos poucos, foi ocorrendo acomodação, e o resultado está dentro do projetado, devendo apresentar recuperação nos próximos meses”, disse o presidente da entidade.


Vendas


Entre as montadoras, as vendas seguem dominadas pela Mercedes-Benz e Volkswagen, que detêm juntas mais de 46% do mercado. A Mercedes-Benz emplacou 1.882 unidades, seguida pela Volkswagen, com 1.833 caminhões vendidos.

Volvo é a terceira colocada, com 1.668 caminhões registrados, com Scania em quarto, registrando 1.142 emplacamentos. Para fechar as cinco mais vendidas vem a DAF, com 849 emplacamentos.

Comments


bottom of page